Policial é preso por não trabalhar ao sábado

Um policial militar teve seu pedido de liberdade negado pela Justiça de Góias, embora tenha alegado ser membro da Igreja Adventista do 7º Dia há 30 anos e que sempre trocava os seus turnos de sábados com outros colegas de trabalho.

Segundo ele, essas trocas nunca causaram prejuízo a polícia, além das trocas sempre terem sido autorizadas por comandantes da companhia.

Leia mais aqui.

Concordo que ambos os dois erraram; o policial deveria ter tomado uma atitude mais formal em questão aos trabalhos nos sábados; a Justiça, no entanto, deveria ter dado acesso a liberdade do adventista, afinal, com certeza, após a liberação ele iria tomar uma atitude mais formal.

Seja como for, que Deus o abençoe; afinal, ele só estava obedecendo um mandamento da Lei de Deus.

Bom domingo !

Anúncios

~ por Natan Hoffman em dezembro 31, 2007.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: